For years, I blogged a lot about SEO and link building, and I won some cool awards for my writing. Although I no longer write much for the public, I’m still reading all of the news and theories of others in this industry on a daily basis. I still live, sleep, and breathe SEO. Plus, we have Ann Smarty on our team who blogs and writes enough across the Web to compensate for both of us. Today, I tend to focus my time on my business and clients, not on writing or speaking my thoughts to the world.
The web audience is changing. With mobile and voice search, the shopping journeys are becoming more fragmented and harder to predict, the attention spans are getting even shorter and the content supply is often greater than demand. Consequently, it is increasingly important to understand how your site users are interacting with the page elements, and what you can do to better engage them. What is User Engagement?
"You couldn't attach yourself to anyone better than Jim. As far as I'm concerned he's worth EVERY penny he will charge you. Jim is a straight shooter, goes above and beyond when called for, and will be committed to the things he tells you he can do. My business has exploded on the internet and I don't plan on looking back. Jim will tell you what he can deliver and I feel like he is one of the nicest, most down to earth business people I've ever dealt with." Fred J.

Você precisa se adaptar rápido. Muitos programas de afiliados têm grandes restrições no tocante à divulgação. Muitos não permitem que você faça publicidade em redes sociais, outros não permitem campanhas de e-mail marketing, etc. As próprias redes de publicidade mudam constantemente as suas regras, o que significa que você terá de se adaptar rapidamente e procurar por novas soluções para continuar gerando resultados.
"Thanks for the update! It was great talking with you guys yesterday and it feels good that your company is going to the length that it is for our ROI. We really value our relationship with Ninjas. We have witnessed you guys make some decisions since the beginning of our relationship that most companies would not have made [Jim's note: when they were effected by Panda, we went way above and beyond to assist them], and we sure are happy to be working with your team. We look forward to a long lasting relationship. Thanks for the heads up on those errors you found." C. McCarren

Digital marketing's development since the 1990s and 2000s has changed the way brands and businesses use technology for marketing.[2] As digital platforms are increasingly incorporated into marketing plans and everyday life,[3] and as people use digital devices instead of visiting physical shops,[4][5] digital marketing campaigns are becoming more prevalent and efficient.
Marketing digital são ações de comunicação que as empresas podem utilizar por meio da internet, da telefonia celular e outros meios digitais, para assim divulgar e comercializar seus produtos, conquistando novos clientes e melhorando a sua rede de relacionamentos. Ele engloba a prática de promover produtos ou serviços pela utilização de canais de distribuição eletrônicos, para então chegar aos consumidores rapidamente de forma relevante, personalizada e com mais eficiência.[1]
Customers are often researching online and then buying in stores and also browsing in stores and then searching for other options online. Online customer research into products is particularly popular for higher-priced items as well as consumable goods like groceries and makeup. Consumers are increasingly using the Internet to look up product information, compare prices, and search for deals and promotions.[21]

A base de dados deste tipo de modelo vai melhorar com o aumento de dados e de interacções, a solução encontrada pela empresa para que o cliente interaja vai determinar a rapidez de crescimento. Tornou-se banal o envio de publicidade via e-mail (devido ao baixo custo), por este motivo esta ferramenta tem sido alvo de cuidado acrescido para que não seja banida de forma automática como publicidade não desejada (spam).
For years, I blogged a lot about SEO and link building, and I won some cool awards for my writing. Although I no longer write much for the public, I’m still reading all of the news and theories of others in this industry on a daily basis. I still live, sleep, and breathe SEO. Plus, we have Ann Smarty on our team who blogs and writes enough across the Web to compensate for both of us. Today, I tend to focus my time on my business and clients, not on writing or speaking my thoughts to the world.

3. Obter o tipo de tráfego direccionado ao seu produto. Se a pessoa que visita o seu site não tem interesse nenhum no que está a oferecer, irão fechar a página, seguir em frente e nunca mais voltar. Escreva artigos específicos sobre os seus produtos e publique-os em sites próprios para tal. Desta forma, sabe que as pessoas que vêem as suas publicações são pessoas interessadas no que escreveu.
Um caso de sucesso é o da marca Oreo da Nabisco. Esta marca teve uma quebra nas vendas a partir de 2000, devido às preocupações com a obesidade (crianças e adolescentes), no entanto em 2003 implementou medidas para revitalizar o consumo, particularmente um jogo online desenvolvido para as crianças de forma a recuperar a sua popularidade como “top of mind” junto desse target. O jogo online, com uma média de 7 minutos de jogo por utilizador foi um sucesso e a marca recuperou da quebra nas vendas, regressando ao volume de vendas habitual no fim desse ano.
O objectivo final desta ferramenta não é diferente dos tradicionais descontos. Os on-line coupons tentam aumentar os compradores / visitantes, e levar os clientes ocasionais a transformarem-se em clientes fidelizados. Estas são as vantagens do on-line coupons quando comparado com os tradicionais. As marcas whiskas e Johnson & Johnson utilizam os online coupons, com bons resultados.
3. Obter o tipo de tráfego direccionado ao seu produto. Se a pessoa que visita o seu site não tem interesse nenhum no que está a oferecer, irão fechar a página, seguir em frente e nunca mais voltar. Escreva artigos específicos sobre os seus produtos e publique-os em sites próprios para tal. Desta forma, sabe que as pessoas que vêem as suas publicações são pessoas interessadas no que escreveu.
2. Ofereça relatórios gratuitos aos seus leitores. Se possível, posicione-os nos cantos superiores para que assim não passe despercebido. Tente criar mensagens num autoresponder para que as mensagens sejam enviadas aqueles que põem os seus dados pessoas na caixa de registo. Segundo pesquisas, uma venda é fechada normalmente no sétimo contacto com uma pessoa.
O marketing de afiliados não é algo novo. Há centenas de anos que pessoas trabalham em modelos de comissão semelhantes, e os chamados comissionistas existem há centenas de anos. Um bom exemplo desse tipo de trabalho seriam os corretores imobiliários. Eles divulgam imóveis dentro e fora da internet, recebendo uma comissão sobre a venda daquele imóvel.
×