Todas estas nomenclaturas, embora possam parecer complexas de compreender, significam nada mais, nada menos, do que o formato da venda. Quer você receba comissões por clique, por ação, por venda ou por formulário, você estará usando um programa de afiliados que se enquadra nas nomenclaturas anteriores. Muitos blogueiros, simplesmente, usam programas de afiliados sem compreender os termos associados a eles, o que poderá levar a reclamações desnecessárias junto das empresas de afiliados.
O CPL é muito idêntico ao CPA, mas com uma pequena diferença: a validação das leads. No CPL, você não é remunerado pela ação, mas sim pelo fato de a ação ser validada. Um bom exemplo de um programa deste gênero é o programa de recrutamento de novos afiliados para plataformas como a UpRise40, Netlucro, Netfilia, Netaffiliation ou a Public-Idées, por exemplo. Nestes casos, o afiliado não é remunerado pelos usuários que se inscrevem nas plataformas, mas sim pelos usuários que se inscrevem e são aceitos pelas plataformas para começarem a correr as campanhas de afiliados. Esta é a grande diferença entre a ação e a lead válida.
"IMN has been awesome to work with and my experience so far has been great. You guys have exceeded my expectations and I just wanted to share my opinion of IMN and the team you have. Your group as been transparent, delivered on the goods and gone above an beyond. I just wanted to thank you for the call today, for the work you've done so far, and let you know that I am very excited about what you've done so far and what we can do together in this niche space together. We will be working on the tasks on our end and look forward to expanding on our relationship next year. Great service deserves recognition and anything I can do to help promote IMN please let me know! Let's kick some ass together this year!" Mark B.
Sobre as páginas “padrões” elas não existem mais e isso também é por causa da migração de servidor, onde o serviço antigo de hospedagem não disponibilizou um backup recente, fazendo com que todo o conteúdo atualizado fosse perdido. Agora já está tudo reescrito e os cadastros estão abertos novamente. Tivemos que refazer o site do “zero” em alguns dias.
O modelo de comissão por mil impressões foi amplamente difundido quando a internet chegou ao público em geral. Nesse modelo de comissão, o afiliado recebia um valor fixo a cada mil impressões de um banner publicitário, independentemente de o usuário clicar no banner ou não. Logicamente, na década de 80 e 90, o número de cliques em banners publicitários era altíssimo, com taxas de cliques a chegar a 96%, o que invariavelmente fazia com que a maioria dos usuários clicasse nos anúncios.

Una guía completísima y útil Frank. El asunto “publicidad frente a afiliación” es bastante interesante, sobre todo porque la publi convencional en Internet parece que ha tocado casi fondo. De hecho hasta el New York Times se interesa ahora por los enlaces de afiliados como via de diversificar ingresos y ha comprado una web que se dedica precisamente a eso, a revisar productos y obtener comisiones de Amazon, como modelo de negocio.

×